Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]


...

por O Principezinho, em 09.02.16

Ela sentiu a dureza do seu membro rígido contra o seu corpo. Ele desejava-a mas aguentou-se e não lhe tocou. Não saberia como ela poderia interpretar. Ficaram apenas aconchegados nos braços um do outro. Ninguém dormiu.

Eram 6 da manhã, e ainda estavam a olhar para o céu, a ver as estrelas…numa noite longa em que parece que reinventaram todas as filosofias. Subitamente ela diz: 
- Vamos ver o nascer do sol.
- Onde?
- Sei lá, vamos simplesmente.
- Ok, siga.
Andaram sem destino, até saírem do pequeno e primitivo trilho. Já não tinham referências. Não faziam a mínima ideia de onde estavam.
- Sabe por onde está a ir? – perguntou ele.
- Não! Não é maravilhoso?
Ainda não estava muito habituado a praticar o "ir". Afinal, aquele homem não era assim tão aventureiro e livre.
- Onde quer ver o nascer do sol?
- Está quase! – diz ela ofegante de tanta excitação que estava a sentir.
- Quase o quê? Não faço ideia onde estamos.
A paisagem era maravilhosa, estava a alvorecer, o nevoeiro ainda subsistia rasteiro e escondia as ervas de palmo e meio.
- Vamos por aqui.
- Olhe, estamos no meio de uma plantação de bambus, e agora? – observou ele.
- Continuemos... vamos por aqui…espere…chegámos…
Ele ficou mudo, perplexo e petrificado. O espectáculo foi simplesmente divinal. No meio do nada, escondido numa plantação de bambus que também não se fazia adivinhar naquele sitio, nem na mais remota hipótese, estava um lago, com uma pequena ilha e um pavilhão dignos do mais luxuoso resort do mundo. As cores, o silêncio quebrado pelos pássaros que despertavam para mais um dia e o sol a nascer para os abençoar com a dádiva da vida mais uma vez. Nunca mais aqueles dois esquecerão aquela noite, aquele dia…o momento em que decidiram simplesmente ir...!

Autoria e outros dados (tags, etc)




Comentários


Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D